Crazy777 - GWM Haval H6 é o híbrido mais vendido em dezembro de 2023

0

SUV híbrido chinês teve mais de 2,7 mil unidades vendidas no último mês de 2023. Haval H6 acumula 10,7 mil emplacamentos no ano

A GWM Brasil encerrou 2023 com um bom desempenho, logo na sua estreia no mercado brasileiro. No último dezembro, a marca chinesa atingiu seu recorde mensal de vendas, com 2.796 veículos. O destaque fica por conta do Haval H6, que mais uma vez foi o carro híbrido mais vendido do Brasil. A GWM contabiliza as três versões do carro como um só modelo.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

O Haval H6 teve 2.085 unidades emplacadas, número superior ao BYD Song Plus (1.882), Toyota Corolla Cross (1.389) e Toyota Corolla (757). Ao encerrar o ano de 2023, o Haval H6 alcançou um total de 10.703 unidades comercializadas em menos de um ano no mercado brasileiro, desde que as primeiras entregas foram realizadas em maio.

Ao fazer o recorte do segmento premium, a GWM desmembra o H6 GT para compará-lo com modelos importados mais caros. Nesse parâmetro, a versão torna o SUV híbrido chinês líder com 578 unidades em dezembro, superando concorrentes como Volvo XC60 (499), BMW X1 (440), BMW 320i (434) e Audi Q5 (317).

Em outro recorte, dos SUVs médios e médios-grandes (segmentos C e D), o Haval H6 assegurou a terceira posição, com 2.085 unidades emplacadas. Perde para o Jeep Compass (flex e diesel) e Corolla Cross (versões híbrido e flex), mas figura à frente de BYD Song Plus (1.882), VW Taos (1.761), Jeep Commander (1.183) e Chery Tiggo 8 (1.155) e Tiggo 7 (676).

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto
Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito
Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

A novidade recente da GWM é o ORA 03. Com 711 unidades, deixou para trás outros modelos elétricos, como BYD Yuan Plus (475), Volvo XC40 (316) e Peugeot 2008 (160). Contudo, perdeu de lavada para o rival direto, BYD Dolphin.

“O brasileiro quer ter uma experiência de carro eletrificado, devido principalmente ao desempenho superior aliado à economia de combustível. Acreditamos que em 2024 os números sejam ainda mais expressivos. Além de ter mais um carro no nosso portfólio, o ORA 03, também vamos iniciar a produção no Brasil”, destaca Oswaldo Ramos, CCO (Chief Commercial Officer) da GWM Brasil. 

Considerando as vendas mensais de dezembro, a GWM ficou à frente de Ram (2.769 unidades), Mitsubishi (2.701), Citroën (2.585), BMW (1.748) e Volvo (1.066).