Crazy777

Notícias

Crazy777 - amigo da natureza e inimigo do dono

Hatch elétrico chinês foi reprovado pelo Latin NCAP. Desgaste dos pneus do JAC E-JS1 foi tão acentuado que teste de ESC foi interrompido

JAC E-JS1: elétrico zero estrela no Latin NCAP


O primeiro teste de impacto com um carro elétrico do Programa de Avaliação de Veículos Novos para a América Latina e o Caribe (Latin NCAP) teve um resultado decepcionante. O modelo avaliado foi o JAC e-JS1, também chamado de E-S1 ou E10x, de acordo com o mercado. O hatch 100% elétrico é amigo da natureza por não emitir CO2, mas coloca a segurança do dono em risco: levou zero estrela no crash teste!

Leia também: Casal será indenizado após JAC T40 ficar mais de um ano parado por falta de peças

O Latin NCAP informou sobre os procedimentos para avaliação de impacto dos carros elétricos. Assim como os híbridos e à combustão, seguem o protocolo de proteção para adultos, crianças e pedestres/vulneráveis. Contudo, os veículos elétricos a bateria (BEV) também têm o risco de choque elétrico e sistemas de corte de bateria são avaliados. Para isso, interruptores de corte de energia de emergência colocados em áreas de fácil acesso após o teste de colisão.

E justamente neste aspecto que o JAC e-JS1 preocupa. Segundo o Latin NCAP, o modelo não cortou sua energia elétrica após o teste frontal como deveria ter acontecido se o corte de emergência estivesse presente e funcionando corretamente. Além disso, no impacto lateral, o sistema de corte indicou que foi ativado, mas o carro ainda estava em movimento, de modo que a bateria ainda estava conectada e funcionando.

Além disso, como os carros elétricos são mais pesados que um correspondente com motor de combustão interna, as estruturas devem ser desenvolvidas para manter sua resistência à colisão com massa maior, assim como as estruturas devem ser desenvolvidas para evitar danos às baterias ou qualquer outra fonte de energia para o trem de força elétrico. O instituto informa ainda que freios e pneus devem ser planejados pensando nisso, uma vez que durante uma batida o desgaste aumenta.

E justamente isso foi um ponto crítico no hatch chinês. O desgaste dos pneus durante o teste ESC do foi tão severo que em certo ponto a avaliação teve que ser interrompida.

“A versão elétrica do JAC E10x, também chamado de EJS1 ou E-S1, é usada como táxi no México. O Latin NCAP compartilha preocupações ambientais em todo o mundo e está alinhada com todas as iniciativas relevantes para reduzir as emissões de CO2. No entanto, isto não deve ser motivo para desconsiderar a segurança dos veículos. Não deve ser uma questão de “limpo ou seguro”, ambos os aspectos são relevantes e não devem competir um com o outro”, criticou Alejandro Furas, Secretário Geral do Latin NCAP.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

Thiago Ventura

Thiago Ventura é jornalista especializado em veículos e fotógrafo. Com mais de dez anos de jornalismo online, tem passagens por portais, jornais e TV dos principais veículos da imprensa mineira fishifaguo.com@googlemail.com

Posts recentes

GWM adia inauguração de fábrica devido medidas do governo

Haval H6 será o primeiro carro fabricado pela GWM. Produção será no segundo semestre após…

3 dias

BYD Dolphin sai por R$ 140 mil para motoristas da 99

Oferta inclui desconto na taxa de financiamento, instalação de wallbox e R$ 1 mil mensais.…

5 dias

Presidente da Toyota do Brasil é promovido após fraudes na Daihatsu

Rafael Chang é o novo CEO da Toyota América Latina e Caribe. Executivo peruano assume…

6 dias

Volkswagen investe R$ 16 bi no Brasil e terá carro híbrido nacional

Marca investirá 16 bi até 2028 com novos carros, incluindo picape e motores híbrido flex.…

3 semanas

Amortecedores Bilstein ganham novos pontos de venda no Brasil

Voltados para veículos de performance e off-road, amortecedores Bilstein estão disponíveis oficialmente no Brasil desde…

3 semanas

Nada de BYD: Tesla é a líder de carros elétricos no mundo

Marca americana detém a liderança mundial em carros elétricos. Tesla registrou mais de 1,8 milhões…

3 semanas
Crazy777 Mapa do site